Segunda-feira, 20 de Julho de 2009
Os independentes andam por aí

Informações vindas do centro deste grande reinado, dão-nos conta de que  condes, duques e barões independentes andam por aí a recolher assinaturas para que possam concorrer às eleições autárquicas. Soubemos que a tarefa tem sido árdua e que têm recebido muitas negas, pois há muitos cidadãos que não se revêem em independentes camuflados de PS, PSD, CDS e CDU. Isto é, quem já foi de uma cor política, como vai agora ser independente? Pensam esses tais cidadãos.

O certo é que é assim que se chamam: independentes.

No reinado de Mões parece ter havido muita dificuldade, mas como não se sabe tudo, vamos aguardar para podermos comentar com mais propriedade!



publicado por reinadodemoes às 16:09
link do post | comentar | favorito

5 comentários:
De Anónimo a 21 de Julho de 2009 às 00:53
É dever cívico permitir que haja concorrentes a eleições. O recolher de assinaturas deve ser incentivado... o que não parece ser demonstrado neste post.
Outra questão é fazer campanha política, aí cada um tem a sua tendência ou preferência.
A democracia permite que haja várias escolhas.
E cada grupo/partido deve dar o seu melhor e mostrar os seus intentos. E o povo escolhe livremente.


De reinadodemoes a 21 de Julho de 2009 às 14:07
Caro «anónimo»,
O post não pretende demonstrar nada. É certo que todos os cidadãos se deviam interessar pelo poder local e disponibilizar para servir o interesse comum. Isso é uma verdade com a qual eu concordo. Por isso, os independentes que avancem, mas que o façam sem a ajuda dos partidos! Ou o meu amigo acha que quem já esteve em listas do PS ou do PSD ou do CSD ou da CDU agora viraram independentes sem quê nem para quê!
Por algum motivo deve ter sido!
E já agora, são independentes de quê? de quem? O que querem os independentes que os candidatos dos partidos não querem? Penso que é algum oportunismo e algum preconceito relativamente à diferença que se quer ter em relação aos partidos.
Contudo, concordo que quanto mais participação houver, mais rica fica a nossa democracia.


De Deus Todo Poderoso a 21 de Julho de 2009 às 12:28
Saudações!

Os independentes, segundo o reinadodemoes, andam aí. Se são independentes, como o próprio nome indica, não dependem de ninguém, apenas deles próprios.
Se é um dever cívico que lhes assiste, também não há dúvidas.
Se as pessoas acreditarão neles? Aqui é que surgem dúvidas. Porque a partir do momento que alguém veste uma camisola, só por traição é que a troca, (ou por dinheiro, ou por interesse, ou porque são especiais, ou pelo desejo sedento de poder, ou pelo protagonismo, ou porque não há outra solução, ou por tudo, ou por nada).
Quem for eleito para governar esta freguesia certamente o fará da melhor maneira que souber, como todos os outros o fizeram. Mas os lugares, as terras, fazem-se com as pessoas que lá vivem e lá desenvolvem a sua actividade.
O progresso não surge com o poder local. Surge, sim, com a iniciativa dos privados, das associações, das empresas, da qualidade das pessoas que dão um pouco de si em prol da "polis". Não é por estar este ou aquele a dirigir a Junta de Freguesia que as coisas mudam de um dia para outro, ou de um mandato para o outro.
O Poder Local apoia as iniciativas, consoante as suas possibilidades, competências e capacidades. A utopia idealizada por aqueles que pensam ser capazes de mudar a parte material do tal reinado, mudem as mentalidades. As vossas e as dos outros.
As moscas mudam... Mudar o resto é que é tramado...
Tenho dito.


De reinadodemoes a 27 de Julho de 2009 às 15:56
A todos os leitores deste blog

Têm aparecido comentários depreciativos, mal-educados, injuriosos e difamadores que vão sendo guardados, mas não publicados.
A seu tempo tudo será tratado nos locais próprios, no entanto, como responsáveis por este blog, agradecíamos que quem se desse ao trabalho de comentar, o fizesse com respeito por todos os intervenientes, caso contrário não publicamos.

Saudações cordiais dos responsaveis pelo blog «reinadodemoes».


De D. Eduardo a 28 de Julho de 2009 às 17:32
Concordo que os comentários devem ser honestos, verdadeiros e não se devem limitar a dizer mal ou a criticar por criticar.
Também concordo que não devem publicar comentários injuriosos e mal-educados. Elevar o nível da linguagem fica bem a todos e até a um blog que trata de assuntos relativos à vila de Mões, à nossa terra.


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

As «guerras» internas no ...

PSD Castro Daire - Respos...

FOI E SERÁ, CERTAMENTE, U...

E a escola das Termas do ...

O Melhor espaço público d...

FERNANDO CARNEIRO FEZ UM ...

S.O.S - Bombeiros em esta...

A SAÚDE NO CONCELHO DE CA...

Mões vai perder um médico

Feira Medieval de Mões

arquivos

Maio 2012

Julho 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds