Terça-feira, 21 de Dezembro de 2010
O Melhor espaço público de Mões transformado numa «Gaiola»!

Este post é apenas o primeiro de uma série que virá a seguir, pois está chegada a hora de se alertar para determinadas aberrações que se vão fazendo em Mões sem que as «Gentes» digam nada, sem que o Povo se exprima como deveria: sem medo e com coragem de dizer aquilo que pensa.

Vem isto a propósito do parque infantil, ou o «escorrega»(!) para as crianças que a Junta de Freguesia mandou construir no antigo recreio da escola primária de Mões.

Aquele local, outrora rebaixado, num nível inferior à Avenida Principal, foi, no mandato do Carlos Rocha, aterrado e elevado até ao nível da Avenida. Esse trabalho foi feito de forma apressada, sem um projecto que identificasse o que se queria efectivamente para aí. Durante uns meses esteve esse espaço «mal amanhado», sem servir para nada.

No ano passado, os responsáveis da Feira Medieval e da Banda de Música, com a colaboração da Câmara Municipal e da Junta de Freguesia semearam aí uma relva. Esse espaço relvado começou a parecer outro e rapidamente sugeriu que se construísse aí um  outro espaço ajardinado, nobre e que viesse a dar, no futuro, algum apoio às pessoas mais idosas... (porque os alunos vão para as instalações da EBI e os idosos é que irão ficar aqui pelo centro da Vila mais frequentemente).

Por outro lado, esse espaço público sendo o único ainda existente no centro da Vila, deveria ser tratado também de forma especial, com estudo e com a nobreza que o local exigia.

Se a anterior Junta de Freguesia apenas se limitou a elevar o nível do terreno, esta Junta de Freguesia continuou  na mesma senda, sem fazer um estudo do que efectivamente se quer para todo aquele espaço. Parece-nos que sem qualquer reflexão, resolveu colocar ali um parque infantil. Ora, nós somos a favor que as crianças devem ter os seus espaços e até somos a favor que em Mões também deva haver espaços para os nossos meninos brincarem. Mas será que do lado de trás da escola, onde o antigo Presidente, o Prof. Rui, construiu os baloiços, não seria um lugar mais apropriado para este parque? Era necessário construir uma rampa!! Pois... construia-se a rampa!

Se o parque infantil passasse para esse local, ou para outro qualquer(!), Mões continuava com um espaço nobre que poderia ser rentabilizado do ponto de vista social e cultural.

Assim ficámos sem espaço para nada e apenas com um «escorrega» no centro da Vila onde nem os meninos podem «escorregar» à vontade, porque o espaço nem é tão apropriado para esse fim como todos sabemos.

Caros leitores, esta é a opinião de algumas pessoas de Mões que esperam ainda voltar a ver aquele espaço liberto dos «escorregas» e devidamente configurado para um espaço urbano.

Contem-se as crianças que existem num raio de 500 metros do local... e depois contem-se também as pessoas mais idosas!!

 

Amigos de Mões e arredores



publicado por reinadodemoes às 17:24
link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De Duque de Môes a 22 de Dezembro de 2010 às 21:00
Estou plenamente de acordo com o autor do blog,aquele espaço nâo é o mais indicado para um parque infantil.
Na parte de traz da escola existe um espaço onde realmente ficaria muito bem esse parque infantil.
Aquele espaço tem que ser bem aproveitado para embelezar o centro da vila.


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

As «guerras» internas no ...

PSD Castro Daire - Respos...

FOI E SERÁ, CERTAMENTE, U...

E a escola das Termas do ...

O Melhor espaço público d...

FERNANDO CARNEIRO FEZ UM ...

S.O.S - Bombeiros em esta...

A SAÚDE NO CONCELHO DE CA...

Mões vai perder um médico

Feira Medieval de Mões

arquivos

Maio 2012

Julho 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds